• SIGA O JUSCELINO NAS REDES

Brasil reciclou 97% das latinhas em 2019

O Brasil segue na liderança mundial da reciclagem de latas de alumínio para bebidas. O índice, atualizado na última quarta-feira (10), é de 97,6% e refere-se ao ano de 2019. 

O volume de sucata coletada foi de 45 mil toneladas a mais em comparação a 2018. Um aumento de 14,7%. Os dados são divulgados anualmente pela Associação Brasileira do Alumínio (Abal) e pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Latas (Abralatas).

A empresa Novelis, responsável por reciclar anualmente cerca de 60% de todo o volume comercializado no país, traz alguns dados interessantes:

  • O Brasil é o terceiro maior mercado mundial de latas, que consome 1/4 de todo o alumínio comercializado no país;
  • O Ciclo de Vida da lata é de 60 dias em média;
  • O nível de reciclagem do país reduz, em média, 95% a emissão de gases de efeito estufa e o consumo de energia elétrica – se comparada com a produção do metal primário;
  • Cada 1 kg de lata reciclada poupa a extração de 5 kg de bauxita, necessária para a produção do alumínio primário.
  • Com 13 centros de coleta de sucata, a Novelis possui uma unidade em Pindamonhangaba (SP) considerada o maior centro de reciclagem de alumínio da América Latina.

Outra entidade, a associação sem fins lucrativos Prolata anunciou que reciclou mais de 3,8 mil toneladas de latas entre julho e setembro deste ano. O número representa um aumento de 79%, se comparado ao mesmo período de 2019. 

Nos centros de coleta as latinhas passam por triagem. | Foto: Juca Varella/ABAL

Compromisso

O novo índice de reciclagem foi divulgado durante um evento em Brasília em que o setor de Lata de Alumínio assinou o Termo de Compromisso com o Ministério do Meio Ambiente. Em cumprimento à Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), o documento visa firmar um compromisso de melhoria do sistema de logística reversa da lata.

“O setor assume o compromisso de comprar o volume de sucata de lata disponível no mercado doméstico, aproximar os detentores dessa sucata dos recicladores, particularmente as cooperativas de catadores de materiais recicláveis, manter centros de coleta e rede organizada de parceiros com atuação em todo o território nacional, oferecer apoio técnico aos gestores públicos municipais e catadores e promover campanha de educação ambiental”, afirmou a Novelis em comunicado à imprensa. 

Confira onde é possível entregar latinhas para reciclagem.

Por Ciclovivo

0 Comentários

Deixe um comentário

Seu email não será publicado.

 

Inscreva-se

Receba as últimas notícias do Blog do Juscelino